Top
 

Acne

Nas acnes superficiais ou acnes não graves, um tratamento tópico é suficiente, assim como uma boa higiene, para limitar as bactérias da acne (de manhã e de noite, lavar bem os locais onde a acne poderia estar presente e utilizar um sabonete suave para peles sensíveis). Produtos livres de prescrição médica incluem cosméticos ou medicamentos que contenham enxofre, ácido salicílico, ácido lático, resorcinol e peróxido de benzoíla.

Os medicamentos à base de peróxido de benzoíla são eficazes para tratar a acne vulgar benigna a moderada. Este produto tem um efeito antiacnéico comprovado, graças a uma redução da formação de comedões e da produção de sebo. Ele permite também evitar o crescimento das bactérias da acne.Observação: os medicamentos à base de peróxido de benzoíla contêm, como o próprio nome indica, um derivado peroxidado, que descolore os cabelos e, sobretudo os tecidos (toalhas, roupas, lençóis de cama, etc), portanto tome cuidado quando aplicar o produto, a fim de evitar essas ocorrências e gastos com roupas desnecessários! Na compra de um medicamento à base de peróxido de benzoíla, leia a bula e peça conselhos ao seu médico.O ácido salicílico muitas vezes é utilizado topicamente contra a acne.Outro produto pode ser utilizado para tratar a acne: trata-se da motretinida em creme (que levará pelo menos de 6 a 8 semanas de tratamento para surtir efeito), produto particularmente eficaz contra os comedões.Em caso de acne mais pronunciada e quando o dermatologista achar melhor, ele poderá prescrever tambémantibióticos de uso tópico, como a clindamicina. Neste caso é importante não se automedicar e consultar um médico, dermatologista ou clínico geral que poderá prescrever o remédio apropriado.Outros produtos tópicos para a acne são os derivados retinóides da vitamina A, como tretinoína, adapaleno e tazoreteno. Eles funcionam pois aumentam a renovação celular e impedem a obstrução dos folículos. Outros antibióticos além da clindamicina também são indicados, como a eritromicina. A combinação da clindamicina e doperóxido de benzoíla é superior que o uso de cada um dos produtos individualmente.Na acne grave (caracterizada, por exemplo, por febre e dores, inclusive nas articulações próximas das lesões cutâneas), uma consulta médica é bastante aconselhada. O dermatologista poderá prescrever, por exemplo, antibióticos a serem tomados por via oral (não tópico), da família dos tetraciclinas (doxiciclina, minociclina,…) ou antibióticos tópicos, derivados da vitamina A, em pomada ou em via oral (isotretinoína).Atenção: os medicamentos à base de isotretinoína podem ocasionar graves más-formações nas mulheres grávidas e provocar secura nos lábios e nos olhos. Este medicamento deve, portanto ser utilizado apenas em caso de acne severa ou de resistência a outros tratamentos.Outros tratamentos incluem exposição a laser e fototerapia. Esse tipo de terapia ajuda a reduzir a produção de óleo pelas glândulas sebáceas e também mata as bactérias que causam inflamação. Além disso, ajuda na textura da pele e reduz marcas de cicatrizes.Para o tratamento de cicatrizes deixadas pela acne, diversas abordagens são indicadas como o peeling, dermoabrasão ou lixamento cirúrgico da pele, microdermoabrasão, terapia a laser, cirurgia plástica da pele etc…

A acne moderada ou grave pode gerar cicatrizes de diferentes tipos: elevadas, deprimidas, ondulares ou até em forma de cordões.  Estas cicatrizes apresentam diferentes formas e características, portanto, devem ser avaliadas individualmente para que cada grupo seja tratado com tecnologias apropriadas

Protocolos:

Radiofrequência Microagulhada (Eletroderme)

Lasers Fracionados: CO2, Érbium: 1350, 2940nm

Peeling pontuados Cross

Subscisão e preenchimento com Ácido Hialurônico

Número de sessões: 3-10 sessões / variam de acordo com o tratamento proposto

Resultados: desde as primeiras sessões

Manutenção: Recomenda-se acompanhamento dermatológico regular, bem como, a associação com medicamentos orais e tópicos para manutenção dos resultados.