Top
 

Tireoide

As doenças da tireoide são muito comuns. Podem cursar com:

  • nódulos ou aumento de volume do pescoço;
  • nervosismo;
  • insônia e alterações no ritmo intestinal;
  • coração acelerado;
  • perda ou ganho de peso;e excesso de frio ou calor podem revelar distúrbios da tireoide.

O hipotireoidismo acontece quando os níveis de T3 e T4 estão baixos. Nesse caso sintomas como cansaço, sonolência, dificuldade de perda de peso, cabelos e unhas secos e quebradiços além de raciocínio lento podem ocorrer.

O hipotireoidismo pode acontecer por um período curto (agudo) ou longo (crônico). Vários fatores podem desencadear nesse problema, incluindo:

Doenças autoimunes

As doenças autoimunes acontecem quando o sistema imunológico ataca e destrói tecidos saudáveis do corpo. Às vezes isso pode acontecer também com a tireoide, o que impediria a glândula de produzir as quantidades normais de hormônios. As causas dessas doenças, no entanto, ainda são nebulosas para os cientistas. Muitos acreditam que vírus, bactérias ou até mesmo a genética possam estar envolvidos.
Sintomas de Hipotireoidismo

Os sinais e sintomas de hipotireoidismo costumam variar, dependendo da pessoa e da gravidade do caso. Em geral, os sintomas manifestados por uma pessoa com hipotireoidismo tendem a se desenvolver lentamente, às vezes por muitos anos.

Na primeira fase da doença, você pode notar apenas alguns indícios, mas sem desconfiar que pode-se tratar de hipotireoidismo. Com o tempo, com alterações cada vez mais marcantes no metabolismo, os sintomas da doença podem começar a ficar mais evidentes, levando-o a procurar um médico.

Os sintomas mais comuns do hipotireoidismo costumam ser:Fadiga
Sensibilidade ao frio
Prisão de ventre
Pele ressacada
Ganho inexplicável de peso
Inchaço no rosto
Rouquidão
Fraqueza muscular
Colesterol alto
Dores, sensibilidade e rigidez musculares
Queda de cabelo
Ritmo cardíaco mais lento
Depressão
Problemas de memória.

 

Muitas pessoas se preocupam ao descobrir que têm nodulos na tireoide, quando devemos nos preocupar? O endocrinologista é o médico mais habilitado para orientar nestes casos.